O seres vivos mais simples

A0a1901fd531714ccd307cb0e462cc89?s=47 Aula Zen
September 18, 2014

O seres vivos mais simples

Descrição dos seres vivos mais simples como os virus, bactérisa, protistas e fungos

A0a1901fd531714ccd307cb0e462cc89?s=128

Aula Zen

September 18, 2014
Tweet

Transcript

  1. Os seres mais simples Daniel Pereira Professordaniel.org

  2. Os seres mais simples • Que doenças causam e como

    é possível se defender delas? Os vírus e a saúde do corpo • Você sabe como são os vírus? • Como se reproduzem? Vírus da gripe H1N1 ou Influenza A. PASIEKA / BIBLIOTECONOMIA PHOTO / LATINSTOCK 2
  3. Os seres mais simples Envoltórios ou cápsulas de proteína que

    abrigam material genético (DNA ou RNA). Vírus da gripe. HIV, o vírus da Aids. Bacteriófago. Os vírus não são formados por células, não respiram nem se alimentam como os outros seres. INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA Organização: 3 lipídios proteínas material genético proteínas material genético enzimas material genético
  4. Os seres mais simples Reprodução do bacteriófago: A reprodução dos

    vírus Parasitas intracelulares obrigatórios: vírus se reproduzem apenas quando invadem uma célula e passam a comandar a produção de proteínas virais. LUÍS MOURA / ARQUIVO DA EDITORA vírus introduz DNA na bactéria produção de mais DNA (do vírus) produção de proteínas (do vírus) novos vírus vírus liberados 4
  5. Os seres mais simples O organismo humano possui defesas naturais

    contra microrganismos. Anticorpos: substâncias que se ligam a organismos invasores, através dos antígenos, e ajudam a destruí-los. Todos os anticorpos são específicos. A velocidade de produção dos anticorpos pode variar de acordo com a doença e com o estado da pessoa que contraiu o vírus. anticorpos microrganismo invasor anticorpos microrganismo invasor LUÍS MOURA / ARQUIVO DA EDITORA 5
  6. Os seres mais simples O microrganismo (ou parte dele) é

    introduzido no organismo e, como está morto ou atenuado, não é capaz de causar a doença mas estimula a produção de anticorpos e células especiais. A defesa do organismo contra determinado invasor fica fortalecida! Características das vacinas: Vacinas • Controle e erradicação de doenças • Vacinas contra vírus, bactérias e outros parasitas • Tratamento preventivo 6
  7. Os seres mais simples O animal recebe os antígenos e

    produz anticorpos específicos. O soro tem uma ação rápida mas não proporciona defesa permanente. Soro: anticorpos prontos Soro terapêutico: produzido com sangue de algum animal que já contém os anticorpos contra o vírus ou substância tóxica. HIROE SASAKI / ARQUIVO DA EDITORA O veneno da serpente é extraído e o antígeno inativo é injetado no animal. Retira-se sangue do animal e prepara-se um soro com anticorpos. O soro é armazenado para ser injetado em pessoas picadas por serpentes. 7
  8. Os seres mais simples Dengue: causada por um vírus transmitido

    pela picada dos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus. Se uma pessoa for infectada novamente, pode surgir a dengue hemorrágica. Viroses Sintomas: Febre Mal-estar e cansaço Dores de cabeça e nos olhos Dores nos músculos e articulações Vômito e diarreia Vermelhidão no corpo MARTIN DOHIN / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK 8
  9. Os seres mais simples O mosquito põe ovos em água

    parada, por isso é preciso tomar certos cuidados para impedir sua reprodução: Coloque o lixo em sacos plásticos e mantenha a lixeira bem fechada. Não jogue lixo em terrenos baldios. SAIBA COMO SE PROTEGER CONTRA A DENGUE. LIXO Disponível em: <http: // portalsaude.saude.gov.br/portalsaude/index.cfm>. Acesso em: 26 mar 2012. Jogue no lixo todo objeto que possa acumular água, como embalagens usadas, potes, latas, copos, garrafas vazias, etc. Mantenha o saco de lixo bem fechado e fora do alcance de animais até o recolhimento pelo serviço de limpeza urbana. PLANTAS E JARDINS Encha de areia até a borda os pratinhos dos vasos de planta. Se você não colocou areia e acumulou água no pratinho da planta, lave-o com escova, água e sabão. Faça isso uma vez por semana. Se você tiver vasos de plantas aquáticas, troque a água e lave o vaso principalmente por dentro com escova, água e sabão pelo menos uma vez por semana. 9
  10. Os seres mais simples O mosquito põe ovos em água

    parada, por isso é preciso tomar certos cuidados para impedir sua reprodução: Não deixe a água da chuva acumulada sobre a laje. SAIBA COMO SE PROTEGER CONTRA A DENGUE. CAIXAS-D’ ÁGUA, CALHAS E LAJES Disponível em: <http: // portalsaude.saude.gov.br/portalsaude/index.cfm>. Acesso em: 26 mar 2012. Remova folhas, galhos e tudo o que possa impedir a água de correr pelas calhas. Mantenha a caixa-d’água sempre bem fechada com tampa adequada. TONÉIS E DEPÓSITOS DE ÁGUA Mantenha bem tampados tonéis e barris de água. Lave semanalmente por dentro com escova e sabão os tanques utilizados para armazenar água. Lave principalmente por dentro com escova e sabão os utensílios usados para guardar água em casa, como jarras, garrafas, potes, baldes, etc. 10
  11. Os seres mais simples Raiva (Hidrofobia): o vírus é transmitido

    por mordidas de cães, gatos, ratos ou morcegos que se alimentam de sangue. Aids: o vírus HIV ataca e destrói certas células do sistema imunológico. Glóbulo branco sendo atacado por vírus da Aids. O indivíduo infectado fica sem defesas contra uma série de microrganismos, o que pode levar à morte. Sintomas: dor de cabeça forte, febre alta, contrações musculares que dificultam o ato de engolir, entre outros. NIBSC / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK 11
  12. Os seres mais simples AINDA NÃO EXISTE VACINA CONTRA A

    AIDS. Os portadores do vírus devem procurar tratamento médico. A transmissão do vírus HIV se dá por: • Relação sexual sem proteção • Transfusão de sangue • Seringas e agulhas compartilhadas por usuários de drogas injetáveis • Gravidez • Objetos cortantes contaminados 12
  13. Os seres mais simples Enquanto algumas bactérias são patogênicas, outras

    são inofensivas. • Qual a diferença entre uma bactéria e uma célula humana? Por que as bactérias são importantes para o ambiente? Que doenças podem causar? As bactérias ANDREW SYRED / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK 13
  14. Os seres mais simples As bactérias são organismos unicelulares procariotos,

    ou seja, seu material genético não está separado do citoplasma por uma membrana, como nos animais e plantas (eucariotos). LUÍS MOURA / ARQUIVO DA EDITORA rotação dos flagelos parede celular material genético (DNA) citoplasma membrana plasmática flagelo 14
  15. Os seres mais simples As bactérias podem ser classificadas de

    acordo com a sua forma e com o seu modo de vida (isoladas ou em colônias): vibrião espiroqueta cocos bacilos bacilos coco sarcina (cocos formando cubos) estreptobacilo estreptococo (cocos em fileiras) diplococo estafilococo (cocos em cachos) INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA EYE OF SCIENCE / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK 15
  16. Os seres mais simples A maioria das bactérias é heterotrófica,

    mas existem também bactérias autotróficas, como as cianobactérias. Bactérias anaeróbias: obtêm energia a partir da fermentação, um processo que não depende do oxigênio. A fermentação realizada por bactérias é aproveitada por muitas indústrias. Nutrição e respiração Bactérias aeróbias: utilizam oxigênio do ar para conseguir energia. VISUALS UNLIMITED / CORBIS / LATINSTOCK 16 Colônia de cianobactérias.
  17. Os seres mais simples Na maioria das vezes, as bactérias

    se multiplicam por reprodução assexuada. Em condições ideais, as bactérias podem se dividir a cada 20 minutos! Reprodução DNA duas células (bactérias) divisão do citoplasma duplicação do DNA 17
  18. Os seres mais simples As bactérias e o equilíbrio da

    natureza As bactérias sapróbias (absorvem substâncias orgânicas de organismos mortos) têm um papel importante na reciclagem da matéria. Bactérias e fungos transformam a matéria orgânica das plantas e dos animais mortos em substâncias minerais (água, gás carbônico e sais minerais). Gás carbônico, água e sais minerais são absorvidos pelas plantas e usados na produção de açúcares e outras substâncias orgânicas. INGBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA 18 plantas e animais mortos decompositores (bactérias e fungos)
  19. Os seres mais simples Comensalismo: um organismo se beneficia sem

    causar prejuízo ao outro, como as bactérias que vivem em nossa pele. Parasitismo: um dos organismos se beneficia e o outro sofre algum prejuízo. É o caso das bactérias patogênicas. Mutualismo: a associação traz benefícios para ambos os organismos envolvidos, como no caso das bactérias que vivem em nosso intestino. Bactérias na pele. Associações de bactérias com outros organismos pele bactérias DAVID MACK / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK 19
  20. Os seres mais simples O organismo humano dispõe de várias

    linhas de defesa contra os microrganismos: 1. Epiderme e mucosas 2. Células especiais, como glóbulos brancos, que realizam a fagocitose de microrganismos 3. Produção de anticorpos Vesícula com substâncias que digerem a bactéria. Glóbulo branco destruição da bactéria bactéria LUÍS MOURA / ARQUIVO DA EDITORA 20
  21. Os seres mais simples Sintomas: • diarreia intensa • cólicas

    • vômito • cãibras O Vibrio cholerae é um vibrião, uma bactéria em forma de vírgula. Doenças provocadas por bactérias Cólera: a transmissão do Vibrio cholerae ocorre por ingestão de água ou alimentos contaminados, ou por contato com fezes ou vômito de pessoas contaminadas. EYE OF SCIENCE / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK 21
  22. Os seres mais simples Leptospirose: é uma doença causada por

    uma bactéria presente na urina de roedores (ratazanas, ratos de telhado e camundongos) que normalmente se espalha pela água suja das enchentes e esgotos. PAULO NILSON / ARQUIVO DA EDITORA Alguns cuidados para se prevenir da doença: Evite o contato com água ou lama de enchentes ou esgotos. Impeça que crianças nadem ou brinquem nesses locais, que podem estar contaminados pela urina dos ratos. Como as pessoas se contaminam? As pessoas podem ficar doentes quando entram em contato com água ou lama contaminadas pela urina de roedores. A bactéria entra na pele, com ou sem ferimentos, quando em contato com essas águas. 22 Pessoas que trabalham na limpeza de lama, entulho e esgoto devem usar botas e luvas de borracha para evitar o contato da pele com água e lama contaminadas (se isso não for possível, usar sacos plásticos duplos amarrados nas mãos e nos pés.
  23. Os seres mais simples Protozoários e algas • Que doenças

    são causadas por protozoários? Protistas microscópicos podem ser encontrados em uma gotícula de água. • Por que as algas são importantes para a vida aquática? 23 INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA
  24. Os seres mais simples Protistas são organismos eucariotos ou eucariontes,

    isto é, são formados por células dotadas de núcleo com membrana. Eucariotos Procariotos Células com núcleo verdadeiro Células sem núcleo verdadeiro Presença de mitocôndrias Ausência de mitocôndrias Presença de cloroplastos Ausência de cloroplastos Protistas heterotróficos: protozoários Protistas autotróficos: algas 24
  25. Os seres mais simples Os protozoários A célula se parte

    em dois ou mais pedaços e dá origem a novos protozoários, idênticos ao original. • Seres unicelulares heterotróficos • Reprodução geralmente assexuada 25 ILUSTRAÇÕES: INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA Didinium sp. Trichomonas.
  26. Os seres mais simples • Locomoção por pseudópodes, cílios ou

    flagelos As estruturas de locomoção também são utilizadas para envolver e capturar outros seres vivos (alimento). O alimento é capturado. O alimento é digerido. Os restos são eliminados. cílios protozoário pseudópode núcleo digestão absorção do alimento Fagocitose 26 ILUSTRAÇÕES: INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA
  27. Os seres mais simples Os protozoários e a saúde humana

    Doença de Chagas: causada pelo protozoário flagelado Trypanossoma cruzi, transmitido pelo barbeiro. Nem todas as pessoas infectadas desenvolvem a doença. Em 30% dos casos aparecem problemas no coração e no sistema digestório, que podem levar à morte. O protozoário se reproduz no coração. Ao sugar o sangue, o barbeiro adquire o protozoário. flagelo protozoários no sangue 27 HIROE SASAKI / ARQUIVO DA EDITORA As fezes com tripanossomos caem no sangue através do orifício da picada.
  28. Os seres mais simples Malária: causada pelo protozoário plasmódio, transmitido

    pela picada do mosquito-palha, do gênero Anopheles. A destruição das hemácias provoca febre em intervalos regulares, tremores, calafrios, anemia e dor de cabeça. O combate ao vetor é a principal forma de evitar a transmissão da doença. O mosquito contaminado pica a pessoa. glóbulo vermelho infectado ... e se reproduz nas células do fígado e nos glóbulos vermelhos. O plasmódio cai na corrente sanguínea... ... chega ao fígado... 28 FABIO COLOMBINI / ACERVO DO FOTÓGRAFO NOEMI DE CARVALHO / ARQUIVO DA EDITORA
  29. Os seres mais simples Outras doenças causadas por protozoários: Doença

    Protozoário Leishmaniose Leishmania sp. Toxoplasmose Toxoplasma gondii Disenteria amebiana Entamoeba histolytica Giardíase Giardia sp. Tricomoníase Trichomonas vaginalis 29 INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA
  30. Os seres mais simples As algas Dinoflagelados: possuem dois flagelos

    e alguns apresentam bioluminescência. • Principal forma de reprodução é a assexuada • Vivem na água doce ou salgada e em ambientes terrestres úmidos • Unicelulares ou pluricelulares • Possuem clorofila e realizam fotossíntese Diatomáceas: algas unicelulares com uma carapaça de sílica. flagelos clorofila núcleo 30 MANFRED KAGE / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA
  31. Os seres mais simples Euglenófitas: movimentam-se por flagelos e possuem

    uma organela capaz de detectar luz. Clorofíceas: algas verdes, unicelulares ou pluricelulares. Algas pluricelulares possuem um corpo formado por um talo. flagelo núcleo Cloroplastos (fazem fotossíntese) 31 INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA DENNIS JOHNSON / CORBIS / LATINSTOCK FABIO COLOMBINI / ACERVO DO FOTÓGRAFO
  32. Os seres mais simples Feofíceas: algas pardas, possuem pigmentos marrons.

    De outras se extrai a algina, usada para dar consistência e textura aos alimentos industrializados, tintas, entre outros. Algumas têm grande importância econômica. Muitas algas pardas são comestíveis e também utilizadas como adubo. 32 J.R. WAALAND UNIVERSITY OF WASHINGTON / BIOLOGICAL PHOTO SERVICE FABIO COLOMBINI / ARQUIVO DO FOTÓGRAFO
  33. Os seres mais simples Importância econômica: algumas algas vermelhas são

    utilizadas como alimento. De outras se extrai a carragenina e o ágar, produtos utilizados nas indústrias alimentícia e farmacêutica. Rodofíceas: algas vermelhas, com grande quantidade de pigmentos vermelhos. 33 FABIO COLOMBINI / ACERVO DO FOTÓGRAFO ALEX RIBEIRO / ARQUIVO DA EDITORA
  34. Os seres mais simples Fungos • Como é o corpo

    de um fungo? • Quais são os benefícios e prejuízos que esses seres podem nos causar? 34 FABIO COLOMBINI / ACERVO DO FOTÓGRAFO
  35. Os seres mais simples Assim como as bactérias, fungos são

    importantes decompositores. Apesar disso, fungos são úteis para nós: alguns são comestíveis, outros são usados na fabricação de bebidas alcoólicas, pães, queijos e antibióticos. Isso pode ser um problema: fungos podem destruir alimentos, roupas, papéis, plantações inteiras e parasitar animais e plantas. O mofo é um tipo de fungo. 35 FABIO COLOMBINI / ACERVO DO FOTÓGRAFO
  36. Os seres mais simples Alguns fungos são unicelulares, mas a

    maioria é pluricelular. O corpo dos fungos é formado por um conjunto de filamentos, as hifas, que se entrelaçam formando o micélio. corpo de frutificação hifas micélio (conjunto de hifas) células da hifa (microscópicas) 36 INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA
  37. Os seres mais simples A reprodução dos fungos Os fungos

    geram células microscópicas, os esporos, que podem ser levados pelos ventos e originar um novo fungo. corpo de frutificação esporo Os esporos caem no solo e dão origem a novos fungos. esporos hifas 37 INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA
  38. Os seres mais simples A diversidade dos fungos Agaricus campestri,

    o champignon. Pycnoporus sanguineus, o orelha-de-pau. Saccharomyces cerevisiae, o levedo de cerveja. 38 DELFIM MARTINS / PULSAR IMAGENS FABIO COLOMBINI / ACERVO DO FOTÓGRAFO DR. JEREMY BURGGES / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK
  39. Os seres mais simples Rhizopus stolonifer, o bolor preto. Alguns

    fungos, como os do gênero Armillaria, são venenosos! Devemos ter cuidado, só uma pessoa que conhece bem os fungos consegue diferenciar os venenosos dos que não são. Penicillium, que produz a penicilina (antibiótico). Armillaria. 39 INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA DR JEREMY BURGESS / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK JOHN WRIGHT / SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK
  40. Os seres mais simples Os liquens Os fungos retiram água

    e sais minerais do substrato e, com esses nutrientes, a alga produz substâncias orgânicas (por fotossíntese). Crescem sobre o solo, troncos e rochas. Liquens são associações entre fungos e algas verdes ou cianobactérias. 40 INGEBORG ASBACH / ARQUIVO DA EDITORA FABIO COLOMBINI / ACERVO DO FOTÓGRAFO hifas do fungo pedaços de liquens (levados pelo vento) células de alga ou de cianobactérias
  41. Os seres mais simples Em certas situações, fungos que vivem

    na pele podem se reproduzir rapidamente e provocar infecções conhecidas como micoses. Esporos do fungo conhecido como pé de atleta. O calor, a umidade e o uso abusivo de antibióticos favorecem a instalação de micoses. As micoses mais comuns ocorrem na pele, no cabelo, na unha e nos pelos. 41 SCIENCE PHOTO LIBRARY / LATINSTOCK