Upgrade to Pro — share decks privately, control downloads, hide ads and more …

Catecismo - Aula 11 (Da Descida aos Infernos e Ressurreição do Senhor)

Catecismo - Aula 11 (Da Descida aos Infernos e Ressurreição do Senhor)

Curso de Catecismo - Turma 2021.
Aula 11: Da Descida aos Infernos e Ressurreição do Senhor (5º Artigo do Credo)

Aula ministrada em 20/04/21

15da9fc679a095a86bd46a422773c25e?s=128

salvemaria

April 20, 2021
Tweet

Transcript

  1. CONGREGAÇÃO MARIANA DA IMACULADA CONCEIÇÃO E SANTO AFONSO DE LIGÓRIO

    - MANAUS/AM Lição XI: Da Ressurreição CURSO DE CATECISMO
  2. CONGREGAÇÃO MARIANA DA IMACULADA CONCEIÇÃO E DE SANTO AFONSO M.

    DE LIGÓRIO MANAUS/AM - SALVEMARIA.COM.BR 1. Desceu aos infernos 2
  3. "Não, não há de dormir, nem adormecer o guarda de

    Israel." (Sal 120,4) A descida aos infernos A expressão "infernos" designa os ocultos receptáculos em que são detidas as almas que não conseguiram a bem-aventurança do céu: 1. inferno 2. purgatório 3. limbo Finalidade: • libertar os justos • dar a bem-aventurança • confirmar Seu poder divino 3 CONGREGAÇÃO MARIANA DA IMACULADA CONCEIÇÃO E DE SANTO AFONSO M. DE LIGÓRIO MANAUS/AM - SALVEMARIA.COM.BR
  4. "Não, não há de dormir, nem adormecer o guarda de

    Israel." (Sal 120,4) A descida aos infernos “Hoje estarás comigo no Paraíso” (Lc 23,43) “Pois não deixarás a minha alma na região dos mortos, nem permitirás que o teu Santo conheça a corrupção” (Salmos 15, 10) "Sou contado entre os que desceram ao Lago, tal como um homem sem força (auxiliar). "Livre entre os mortos, que jazem no sepulcro, cuja memória não permanece e os quais estão longe de tua mão" (Salmos 87, 5-7) “Quanto a ti, por causa de tua aliança de sangue, libertarás os teus cativos do Lago no qual não há água” (Zacarias 9, 10) “Expoliou os principados e potestades, arrastou-os publicamente triunfando sobre eles por Si mesmo” (Colossences 2,15) 4 CONGREGAÇÃO MARIANA DA IMACULADA CONCEIÇÃO E DE SANTO AFONSO M. DE LIGÓRIO MANAUS/AM - SALVEMARIA.COM.BR
  5. 2. Ao terceiro dia, ressurgiu dos mortos 5 CONGREGAÇÃO MARIANA

    DA IMACULADA CONCEIÇÃO E DE SANTO AFONSO M. DE LIGÓRIO MANAUS/AM - SALVEMARIA.COM.BR
  6. Santo Agostinho, In Psalm. 1 20, 4. ue muito [importa]

    crermos que Cristo morreu? Também os pagãos, os Judeus, e todos os maus o acreditam. Todos crêem que morreu. A fé [característica] dos cristãos é a Ressurreição de Cristo. O que muito importa é crermos que ressuscitou". 6 CONGREGAÇÃO MARIANA DA IMACULADA CONCEIÇÃO E SANTO AFONSO DE LIGÓRIO - MANAUS/AM
  7. Por que foi necessário que Cristo ressuscitasse? Para que fosse

    exaltado o que para obedecer havia se rebaixado; Para consolidar a fé em Cristo em nós; Nutrir nossa esperança na ressurreição da carne; Para consumar o Mistério de nossa Salvação e Redenção. Que exemplos tirar da Ressurreição de Cristo? abraçar uma vida nova; perseverar no estado de graça. 7 Ressurreição "Se Cristo não ressuscitou, vã é a vossa fé, pois ainda estais em vossos pecados" ( I Cor 15, 1 4-17) CONGREGAÇÃO MARIANA DA IMACULADA CONCEIÇÃO E DE SANTO AFONSO M. DE LIGÓRIO MANAUS/AM - SALVEMARIA.COM.BR
  8. Bens que nos vêm da ressurreição de Cristo: fé no

    Deus imortal; ressurreição corporal; ressurreição espiritual. Sinais para reconhecer se ressuscitamos com Cristo: Procurar a vida, a honra e a riqueza onde lá esteja Cristo. Ter gosto por aquilo que é verdadeiro, honesto, justo e santo. 8 Ressurreição "Se Cristo não ressuscitou, vã é a vossa fé, pois ainda estais em vossos pecados" ( I Cor 15, 1 4-17) CONGREGAÇÃO MARIANA DA IMACULADA CONCEIÇÃO E DE SANTO AFONSO M. DE LIGÓRIO MANAUS/AM - SALVEMARIA.COM.BR
  9. CONGREGAÇÃO MARIANA DA IMACULADA CONCEIÇÃO E SANTO AFONSO DE LIGÓRIO

    - MANAUS/AM embrai-Vos, ó piíssima Virgem Maria, que nunca se ouviu dizer que algum daqueles que têm recorrido à vossa proteção, implorado a vossa assistência, e reclamado o vosso socorro, fosse por Vós desamparado. Animado eu, pois, de igual confiança, a Vós, Virgem entre todas singular, como a Mãe recorro, de Vós me valho e, gemendo sob o peso dos meus pecados, me prostro aos Vossos pés. Não desprezeis as minhas súplicas, ó Mãe do Filho de Deus humanado, mas dignai-Vos de as ouvir propícia e de me alcançar o que Vos rogo. Assim seja.