Upgrade to Pro — share decks privately, control downloads, hide ads and more …

"Transtorno" de Deficit de Atenção e Hiperatividade: Aprendendo a trazer valor sendo quem eu sou

"Transtorno" de Deficit de Atenção e Hiperatividade: Aprendendo a trazer valor sendo quem eu sou

Palestra apresentada pelo Eduardo Bonet na 59º Python Floripa on-line https://www.youtube.com/watch?v=ulRImGCU4f4&t=44s

23f134e5e0567efeff45ecfaa8702f37?s=128

Python Floripa

May 26, 2021
Tweet

Transcript

  1. "Transtorno" de Déficit de Atenção e Hiperatividade Aprendendo a trazer

    valor sendo quem eu sou Eduardo Bonet - Maio 2021
  2. Prazer, meu nome é Eduardo Bonet Pai, Parceiro, Expat Backend

    → Full Stack → Data Science → Android Dev → Data Science → Machine Learning Engineer @ef_bonet | linkedin.com/in/eduardobonet
  3. RESSALVA 1 : Eu não sou médico ou psicólogo Meu

    objetivo é mostrar uma realidade diferente, onde a TDAH não é motivo de culpa, e trazer ideias que possivelmente ajudem a entender a sua TDAH ou a de uma pessoa próxima. RESSALVA 2: Eu não sei direito o que estou fazendo
  4. Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade O Transtorno do

    Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH) é um transtorno neurobiológico, de causas genéticas, que aparece na infância e freqüentemente acompanha o indivíduo por toda a sua vida. Ele se caracteriza por sintomas de desatenção, inquietude e impulsividade. Ele é chamado às vezes de DDA (Distúrbio do Déficit de Atenção). Em inglês, também é chamado de ADD, ADHD ou de AD/HD. https://tdah.org.br/sobre-tdah/o-que-e-tdah/
  5. Algumas verdades sobre TDAH Todo mundo experiencia sintomas de TDAH,

    a diferença e o quão frequente eles ocorrem e quanto os sintomas impactam sua vida TDAH é fortemente genética TDAH é associado a mudanças químicas no cérebro TDAH não é falta de atenção. É falta de controle sobre a atenção TDAH também é um espectro TDAH é sobre-diagnosticado em homens, e sub-diagnosticado em mulheres TDAH é relacionado a depressão e vícios
  6. Minha Experiência

  7. Diagnóstico Diagnosticado aos 28 anos 9 meses entre eu pedir

    para ir no psicólogo e ser diagnosticado 4 psicólogos diferentes até conseguir tratamento medicamental
  8. TDAH para mim é como se Eu estivesse assistindo várias

    TVs ao mesmo tempo, cada uma com um canal diferente, onde os canais mudam constantemente, e eu não tenho o controle remoto.
  9. TDAH para mim é como se estivesse numa reunião frenética,

    com todo mundo discutindo com todo mundo, gritando, falando alto, mas tudo acontecendo dentro da sua cabeça, o tempo inteiro
  10. TDAH para mim é como se dentro da minha mente

    15 pessoas estivessem conversando e cortando uma a outra, e eu tentando achar minha vez de falar, e minha voz simplesmente não sai.
  11. Como eu experencio TDAH Falta de controle sobre o foco

    Dificuldade em sair da minha cabeça pra interagir com outras pessoas Dificuldade em regular emoções Honestidade Brutal
  12. Como eu experencio TDAH Incapaz de parar Exaustão social Imposto

    TDAH: Milhares de reais perdidos por marcar passagem passagens erradas, perder consultas, perder dinheiro, esquecer itens importantes, etc Esquecer conversas segundos depois delas acontecerem
  13. Como eu experencio TDAH Culpa.

  14. Tá, mas tem lado positivo?

  15. Mentes com TDAH tender a solucionar problemas de forma mais

    criativa Ter TDAH traz algo bom? https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/09297040500320691
  16. A busca incessante por estímulos costuma levar a aprender coisas

    novas constantemente Ter TDAH traz algo bom?
  17. Ter TDAH traz algo bom? Pessoas com TDAH tendem a

    querer agir mais rapidamente, e costumam tomar decisões mais arriscadas https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/26978323/
  18. Ter TDAH traz algo bom? Motivação + Estímulo = Sangue

    nos olhos (hyperfocus) https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/33126147/
  19. Como se posicionar para usar as vantagens da TDAH?

  20. Como se posicionar para usar as vantagens da TDAH? Busque

    ajuda profissional
  21. Como se posicionar para usar as vantagens da TDAH? Aprenda

    mais sobre ADHD, e como comunicar como ela afeta você
  22. Como se posicionar para usar as vantagens da TDAH? Faça

    as pazes consigo mesmo Nosso cérebro funciona de uma forma diferente. Não somos relaxados, não somos perdidos, não é falta de boa vontade.
  23. Como se posicionar para usar as vantagens da TDAH? Faça

    as pazes consigo mesmo Alguns dias, eu simplesmente não vou conseguir focar no que eu tenho que fazer. Posso lutar comigo mesmo, ou redirecionar essa energia para algo diferente.
  24. Como se posicionar para usar as vantagens da TDAH? Faça

    as pazes consigo mesmo Generalista, com orgulho
  25. Como se posicionar para usar as vantagens da TDAH? Escreva

    tudo.
  26. None
  27. Como se posicionar para usar as vantagens da TDAH? Encontre

    uma empresa com cultura compatível Visão Clara e Compartilhada Autonomia Pessoal Sem micromanaging Que permita troca fácil de times e posições Trazer TDAH para a discussão durante a entrevista
  28. None
  29. Como aliviar os efeitos negativos? Ser aberto com o time

    sobre como TDAH funciona. Manter um canal sincero aberto de comunicação Tenha sempre uma lista de problemas que você gostaria de resolver Trabalhe com o objetivo de se tornar redundante.
  30. Como aliviar os efeitos negativos? Envolva mais pessoas no projeto

    que vão te dar o empurrão necessário. Lembre-se sempre do por quê você escolheu aquele problema, mas quebrando em passos pequenos e alcançáveis. Quando a motivação para finalizar uma tarefa não existe, tente agregar valor àquela tarefa
  31. Uma nota sobre TDAH e Burnout “Para mim, trabalho é

    uma necessidade absoluta [...] Eu não tenho prazer em mais nada a não ser em trabalho [...] Eu entro em melancolia se eu não posso continuar a trabalhar” - Vincent van Gogh Sofri dois burnouts na minha vida profissional. Ambos como resultado de projetos que eu mesmo criei.
  32. Considerações Finais Toda essa apresentação foi sobre como encarar a

    TDAH de forma positiva na vida profissional. O impacto negativo na vida pessoal é muito maior, e é uma luta constante. Enxergar um lado positivo é muito mais difícil. Lidar com TDAH não é um problema pessoal. É um processo para toda a família.
  33. Recursos e Inspirações Associação Brasileira de Déficit de Atenção How

    to ADHD r/ADHD ADHD as an Entrepreneur Superpower Failing at Normal: An ADHD Success Story ADHD sucks, but not really Esse post no reddit Perguntas?