Interpretabilidade, Justiça e representatividade

Interpretabilidade, Justiça e representatividade

Ao mesmo tempo em que os algoritmos de Inteligência Artificial trazem possibilidades magníficas de otimização do trabalho e outras transformações positivas, também trazem riscos e desafios que precisam ser conhecidos e considerados antes de sua adoção. Precisamos ampliar o nosso conhecimento e interesse sobre o funcionamento dessas novas tecnologias, assim como criarmos mecanismos e regras para seu uso, de modo a ter controle sobre o aumento de seu poder de influência sobre os usuários e não dependermos de caixas pretas sobre as quais não temos nenhum controle. O objetivo da palestra é discutir sobre uma série de questões éticas que grandes empresas como Google e IBM já estão discutindo e pouco se discute no Brasil.

B6e0ee98a08a3863043dc3edc5789029?s=128

Carla Vieira

December 11, 2019
Tweet