Upgrade to Pro — share decks privately, control downloads, hide ads and more …

Agência Experimental Sophie

7b13eb28e6f59c48644a4a2146c3b9ec?s=47 Taís Oliveira
September 06, 2020

Agência Experimental Sophie

Apresentação do trabalho de conclusão de curso em Relações Públicas (FAPCOM, 2011). A Agência Sophie desenvolveu uma plano de comunicação integrada para a ONG Cidadania no Ar.

7b13eb28e6f59c48644a4a2146c3b9ec?s=128

Taís Oliveira

September 06, 2020
Tweet

Transcript

  1. Projeto Experimental de Relações Públicas Cidadania no Ar Equipe: André

    Luís Bárbara Cunha Jéssica Marconato Raphael Henrique Taís Oliveira Orientadora: Elisete Baião
  2. A agência Fazer saber, saber fazer!

  3. Princípios Organizacionais

  4. Missão Promover o “auto-reconhecimento” dos nossos clientes e a valorização

    da sua imagem institucional e, dessa maneira construir um melhor posicionamento frente a seus públicos.
  5. Visão Ser a agência de comunicação integrada reconhecida no mercado

    brasileiro pela qualidade e eficiência na prestação de serviços e ações inovadoras.
  6. Valores Ética Sustentabilidade Compromisso Transparência Diversidade

  7. Nosso Cliente

  8. • Incentivo a leitura, criado por Francisco Cyrillo; • 2000

    – locução em Heliópolis, o programa se chamava Cidadania no Ar; • 2008 – locução na Rádio Trianon, onde montou a primeira biblioteca; • A partir da atividade de locução, Francisco realizava outras ações, entre elas a biblioteca comunitária; • Logo as bibliotecas tornaram-se o principal foco. • Atualmente possui 57 colaboradores, entre administradores de bibliotecas e circulinos. História
  9. • Não possui os princípios organizacionais definidos; • Não possui

    políticas administrativas, pessoais ou comerciais. • Relacionamento com os parceiros e apoiadores é informal, sem contratos ou acordos fixos. • Políticas: empréstimo de livros, de adesão de bibliotecas comunitárias e promoções nas redes sociais. Princípios organizacionais e políticas administrativas
  10. Públicos Diretor Governo Parceiros Voluntários Colaboradores Essencial Constitutivo Essencial Constitutivo

    Essencial de sustentação primária. Essencial de sustentação primária. Essencial de sustentação primária.
  11. Comunicação • Comunicação administrativa - informal, sem padrões, pouca tecnologia,

    e-mail, telefone e contato pessoal, controle através de fichas de papel, parceiros sem contrato ou abordagem formal; • Comunicação interna - os colaboradores não possuem contato entre si, não há eventos periódicos, não existe a distribuição de material gráfico e lista de aniversariantes;
  12. • Comunicação mercadológica – a divulgação do projeto ocorre através

    do site, redes sociais, cartão de visita e folhetos, sem nenhum planejamento prévio; • Comunicação institucional - utiliza as mesmas ferramentas, não possui uma postura definida e nem marca estruturada. Comunicação
  13. Demográfico, sócio-cultural, econômico, tecnológico, político legal e natural. Contexto: analfabetismo,

    público leitor e não leitor, classes econômicas versus leitura, distribuição virtual, leitores digitais, legalização das atividades, parcerias privadas e públicas, preocupações ambientais. Desafios: Como lidar com o analfabetismo, com a diferença de classes econômicas, avanços tecnológicos e a legalização das atividades da organização. Macro-Ambiente
  14. Concorrentes Pró Livro BookCrossing Leia Brasil Cirandar Roedores Entorno

  15. Análise SWOT Potencialidades Oportunidades Fraquezas Ameaças Grande alcance através do

    meio digital Incentivos Governamentais Leis de isenção fiscal Várias ações que valorizam a leitura Aumento do índice de leitura Parcerias existentes Muitos colaboradores Causa social relevante Está inserido no mundo digital Presente em vários Estados Concorrência melhor estrutrada Não regulamentação Comunicação centralizada Novas tecnologias de distribuição de obras Índice de analfabetismo elevado Comunicação sem planejamento Não possui regulamentação Não possui estrutura administrativa Não possui principios organizacionais Site com navegabilidade confusa
  16. • Qualitativa: Entrevista em profundidade com o fundador e demais

    fontes sobre história e relações; • Quantitativa: com os colaboradores sobre aspectos da organização; • Quantitativa: com leitores sobre hábitos de leitura; • Dados secundários sobre o público não leitor. Projeto de Pesquisa
  17. Diagnóstico • Ausência e falta de estruturação de princípios organizacionais;

    • Objetivos e desejos de crescimento do projeto Cidadania no Ar; • Administração centralizada: informação, relacionamentos e atividades centradas sob a gestão de uma única pessoa; • Ausência de ações direcionadas para promoção da comunicação; • Comunicação administrativa sem estrutura; • Falta de ações mercadológicas;
  18. Diagnóstico • Fragilidade no site institucional; • Baixo investimento em

    marketing / mídia; • Ausência de regulamentação como ONG; • Ameaças: concorrência do segmento possui regulamentação e posicionamento de mercado; • Oportunidades: aumento do índice de leitura e programas governamentais de incentivo a leitura.
  19. Plano de autoconhecimento, promoção e disseminação - A missão de

    circular a cidadania.
  20. Programa Capa: Comunicação Institucional Evidenciar a identidade organizacional e torná-

    la comum entre públicos de interesse. Capa
  21. Ação: Cidadão e com princípios Objetivo: construir a missão, visão

    e valores que serão a orientação das atividades e desenvolvimento da organização. Justificativa: ausência dos princípios organizacionais. Público: organização.
  22. Peça da Ação: Cidadão e com princípios

  23. Ação: Portal Cidadania no Ar e gestão das mídias sociais

    Objetivo: reformar o eixo principal de comunicação e informação do projeto Cidadania no Ar. E gestão das mídias sociais. Justificativa: o site institucional apresenta certa desordem nas informações. Ausência de objetivos nas mídias sociais. Público-Alvo: colaboradores, parceiros e usuários.
  24. Peça da Ação: Cidadania no Ar e gestão das mídias

    sociais
  25. Ação: Reinauguração do Projeto Cidadania no Ar Objetivo: marcar uma

    nova fase da organização, promover a imagem e proporcionar integração. Justificativa: celebrações são eventos aproximativos que valorizam a memória organizacional. Público-Alvo: colaboradores e parceiros.
  26. Peça da Ação: Reinauguração do Projeto Cidadania no Ar

  27. Peça da Ação: Reinauguração do Projeto Cidadania no Ar

  28. Programa Índice – Comunicação administrativa Organizar e estruturar os processos

    administrativos e de comunicação. Índice
  29. Ação: Para ser cidadão é preciso ser legal Objetivo: proporcionar

    a legalização do projeto como organização do 3º Setor. Fazer uso das leis de incentivo e abono fiscal. Justificativa: o cliente não possui legalização, o que pode ferir sua credibilidade de atuação. Público-Alvo: organização.
  30. Ação: Cadastro geral de livros e usuários Objetivo: dispor de

    um sistema unificado, online e gratuito para cadastro de usuários e livros. Justificativa: facilitar o controle, proporcionar mensuração e criar banco de dados. Público-Alvo: colaboradores e usuários .
  31. Peça da Ação: Cadastro geral de livros e usuários

  32. Ação: Talento cidadão Objetivo: mapeamento de competências e afinidades nas

    atividades necessárias para o funcionamento do projeto. Justificativa: é desejo descentralizar e expandir o projeto Cidadania no Ar e promover outras atividades culturais. Público-Alvo: colaboradores.
  33. Programa Personagens – Comunicação interna Dar voz e participação aos

    que constroem a história do Projeto Cidadania no Ar. Personagens
  34. Ação: Aprendendo juntos – o bê-á-bá da cidadania e fomento

    à leitura Objetivo: promover oficinas aos colaboradores com temáticas do dia-a-dia da organização. Justificativa: há certo desencontro, por parte dos colaboradores, sobre quais as atividades e objetivos da organização. Público-Alvo: colaboradores.
  35. Peça da Ação: Aprendendo juntos – o bê-á-bá da cidadania

    e fomento à leitura
  36. Ação: Encontro marcado com a literatura Objetivo: proporcionar aos colaboradores

    e usuários um momento de aprendizado, reflexão e debate sobre temas pertinentes. Justificativa: dos envolvidos no projeto Cidadania no Ar, poucos se conhecem pessoalmente e mantém relacionamento. Público-Alvo: colaboradores e usuários.
  37. Ação: Informativo cidadão Objetivo: criar um informativo mensal e somar

    com as opções de comunicação com os participantes sobre as atividades do projeto. Justificativa: faltam ferramentas de comunicação interna. Público-Alvo: colaboradores.
  38. Peça da Ação: Informativo cidadão

  39. Programa Edição – Comunicação mercadológica Proporcionar parcerias e ampla divulgação

    das atividades da organização. Edição
  40. Ação: Ponte da cidadania Objetivo: criar parceria com a ONG

    SOS Juventude e oferecer atividades paralelas junto à pratica da leitura e literatura. Justificativa: há o interesse em motivar a participação de crianças e jovens às ações do projeto Cidadania no Ar através dos livros e atividades culturais. Público-alvo: usuários, crianças e jovens.
  41. Ação: Ciclo de palestras de fomento à leitura e prática

    cidadã Objetivo: oferecer palestras em nome do projeto Cidadania no Ar. Em troca uma doação material ou financeira para o desenvolvimento da organização. Justificativa: a organização não possui uma fonte alternativa de geração de renda ou material. Público-alvo: sociedade e organização.
  42. Ação: Mês do livro e literatura. Objetivo: fazer do mês

    de outubro um período de destaque das atividades, pois é quando comemora-se o dia da leitura (12) e dia do livro (29). Justificativa: não há eventos que celebrem datas especiais, logo, é importante manter sazonalidade para intensificar a disseminação do projeto. Público-alvo: sociedade em geral e colaboradores.
  43. Recomendações e considerações finais o Elaborar conceitos e definir o

    posicionamento da marca; o Realizar a reinauguração para celebrar uma nova página na história da organização; o Reestruturar seus processos administrativos, bem como a legalização de suas atividades; o Estabelecer uma comunicação clara e participativa com o público colaborador e demais públicos estratégicos; o Definir uma comunicação capaz de transmitir seus valores com o objetivo de expandir o Cidadania no Ar em todo o país.
  44. Muito obrigado! “Um país é feito de homens e livros.”

    (Monteiro Lobato)